23 de novembro de 2020, 15h. Um caminhão guincho carregando um Opalão laranja parou a cidade de Santana, na Bahia. Com direito a fogos, carreata, música e muita alegria, Agamenon Souza Silva, ganhador da promoção da Retornar, recebeu na porta de casa seu tão esperado prêmio – o Opala 1979.

Agamenon foi o contemplado pelo sorteio do dia 18/11/2020, que correu através do concurso n° 5515 da Loteria Federal. Seu número da sorte, o 04656, foi distribuído com a compra do eBook que conta toda a história do Opala na loja da Retornar. Surpreso com a notícia, Agamenon conta que nem sonhava em ganhar: “Eu entrei na internet e comprei a promoção do Opala. Não estava muito acreditando, mas terminei sendo o ganhador! Comprei o eBook, fui sorteado e acabei de receber o carro, o Opala está comigo, a documentação está toda aqui, está tudo ok! Eu recomendo a Retornar para qualquer um, porque foi fácil e foi real”.

Agamenon conta ainda que os planos para os próximos finais de semana já estão garantidos: “Agora estou de Opalão novo para dar umas curtidas” – diverte-se ao lado da família.

Agamenon Souza Silva com sua família e o Opalão, prontos para curtir os próximos finais de semana!

O Centro de Apoio às Famílias Miguel da Esperança também está em festa com a entrega do Opala. A ONG, com o apoio da Retornar, irá adquirir um veículo utilitário para ajudar no trabalho de arrecadação e distribuição de alimentos para as famílias carentes do Bairro Parada de Taipas, na zona noroeste de São Paulo (SP). Elizete Lopes da Rocha, fundadora e presidente da Miguel da Esperança, agradece a todos que participaram: “Quero agradecer a ajuda que a Retornar tem nos dado e agradecer a todos vocês de coração por terem participado desse prêmio… Muito obrigada! Que Deus abençoe a vida de cada um de vocês!”

As crianças atendidas pela ONG Miguel da Esperança em São Paulo (SP)

Confira o vídeo completo da entrega do Opala ao Agamenon em Santana (BA):

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.